Sobre Nós e Desejos

A VALORES – Agência para o Desenvolvimento Social e Humano foi criada em 2013 com dois objetivos que estão firmados em sua Missão: incentivar a cultura como meio para promover o desenvolvimento social e humano e garantia de direitos fundamentais, e trabalhar pelo aprimoramento do mercado cultural e seus agentes.

Para unificar essas ideias o desejo sempre esteve muito claro: criar o projeto VALOR CULTURAL. Ele seria o guarda-chuva de tudo o que produzíssemos, seja em termos de produto ou de serviço.

A trilha para se chegar aonde estamos não foi (e continua não sendo) fácil. VALOR CULTURAL é um desejo antigo e sob essa bandeira foram feitas várias ações de 2003 a 2013, onde projetos foram desenvolvidos como o Cidadania Cultural, para atender adolescentes em situação de risco, que possibilitou o atendimento a jovens e adolescentes em liberdade assistida por meio de oficinas culturais; o Teatro em Empresas, onde promoveu reflexão sobre temáticas de relacionamento interpessoal, através de oficinas de teatro com encenação de uma peça teatral ao final do período; e, na questão dos direitos fundamentais, o Ser (e poder Ser), programa de capacitação de professores na temática da diversidade sexual. Eles aprenderam a lidar com a intolerância quase sempre manifestada com violência entre alunos adolescentes.

Porém, ao fim de cada programa aplicado, uma realidade era constante. Terminado o período de patrocínio, que garantia suas subsistências, eles morriam, e com eles o desejo de continuar naufragava abraçado às oportunidades perdidas.

A criação da VALORES teve o intuito de subverter esse processo. Sua prioridade passou a ser a segunda parte de sua Missão: criar produtos para o desenvolvimento e aprimoramento do mercado cultural e seus agentes e, com eles, não só gerar conteúdo, mas, também, renda, e, com ela, sua independência financeira. Dessa forma, nenhum projeto sociocultural que possamos desenvolver amanhã será interrompido porque uma empresa não quis mais apoia-lo. A própria entidade garantirá sua subsistência até que outro patrocinador seja encontrado.

E durante quatro anos o projeto VALOR CULTURAL foi tomando forma, tanto como ideia como construção – devagarzinho, tijolo a tijolo, porque o dinheiro sempre foi curto e sempre saiu do próprio bolso. Foi um trabalho duro e solitário, mas estamos felizes de tornar público os primeiros resultados que vocês poderão acessar agora.

O Portal de Patrocinadores vai preencher um nicho que, surpreendentemente, ainda não tinha sido explorado pelo mercado. Como se comportam essas empresas que movimentam, pelo menos, R$ 1 bilhão por ano em patrocínio à cultura? Como elas escolhem seus projetos; como utilizam o dinheiro público via renúncia fiscal?; quem são elas e o que têm a dizer sobre o que fazem, como fazem e por que fazem? O Raio X de cada uma está revelado em um APP exclusivo e depoimentos, notícias e informações relevantes são exibidos na homepage do Portal.

Já o portal Marketing Cultural é uma evolução da revista Marketing Cultural, marco pioneiro que há 20 anos descortinou esse universo que a cultura pode proporcionar à imagem das empresas. Com direito de uso da marca e dos produtos gerados pela revista, foi idealizado como a segunda perna do projeto da VALORES e seu intuito é dar voz a criadores, abrir espaço para quem tenha qualidade para dar, vender ou se deixar ver; usar a tecnologia para promover interações, conhecimento e criar elementos que possam ser relevantes para capacitação de quem atua no mercado cultural.

Mas falta ainda a terceira parte e essa não conseguiremos construir sozinhos, justamente a mais importante de todas, o guarda-chuva, o teto que abrigará o que há agora e o que haverá depois. E ela se chama VALOR CULTURAL – e adotamos como lema Um Lugar no Tempo que Vem, porque sua construção será infinita já que novos tijolos serão inseridos dia-a-dia oriundos de fontes que hoje estão espalhadas no mundo virtual ou cimentados por colaboradores que poderão mostrar o melhor de seu conhecimento.

Na ponta do desejo está a vontade de tornar tudo isso aberto para todos, livre como deve ser. Mas a realidade nos induz a garantir, primeiro, a sobrevivência, a consolidação, a segurança de que poderemos fazer o melhor, com a melhor equipe, em busca da garantia de que só os “construtores” de Valor Cultural nos darão ao longo do tempo. E, quando esse dia chegar, então todo o projeto se moverá sozinho, mantido por seus usuários e colaboradores.

Por isso, se a alguém surgir o desejo de perguntar, essa é a razão para a necessidade de termos conteúdo premium oferecido somente para assinantes nessa primeira etapa. Procuramos agregar muitos benefícios em troca do equivalente a R$ 1 por dia de forma a atrair cada vez mais participantes. E serão eles que vão permitir a consolidação do que amanhã, finalmente, poderá ser aberto a todos.

E então poderemos voltar à primeira parte de nossa Missão com a segurança de que, para realizar nossos projetos socioculturais, o patrocínio que vier de fora só ajudará; e, se não vier, não nos afetará.

Se quiser conhecer mais sobre o projeto VALOR CULTURAL, clique aqui.

Se quiser saber sobre as vantagens de ser nosso parceiro, clique aqui.

Se quiser saber qual é a Missão, Visão e Valores criados para a VALORES, clique aqui.

E se quiser saber quem está tornando tudo isso realidade, basta ler abaixo.

SANDRA MORATO

Presidente

Assistente social com larga experiência no âmbito da proteção de direitos humanos, é responsável pelo braço social da VALORES.
Dentro de seu longo currículo, consta atuação como Professora Tutora para Revisão e Orientação do Plano de Gestão de Políticas Públicas para Instalação das Praças dos Esportes e da Cultura, em programa realizado pela FGV.

EDUARDO MARTINS

Editor Geral de Conteúdo

Jornalista, é formulador, juntamente com Sandra Morato, dos conceitos e produtos que compõem o projeto VALOR CULTURAL.
É responsável pelo conteúdo editorial dos portais Marketing Cultural e Portal de Patrocinadores, pelas estratégias para divulgação e criação de novas ferramentas que possam contribuir para melhor capacitação dos envolvidos com o mercado da cultura brasileira.

LUCAS MELLO

Diretor de Marketing

Diretor de Marketing do Projeto VALOR CULTURAL, é publicitário especialista em Marketing Digital e Inbound Marketing, com aclamadas certificações nas principais plataformas digitais vigentes. Também é músico e apaixonado por cultura.

GABRIELA OLIVEIRA

Gerência de Conteúdo

Produtora de conteúdo para os portais Marketing Cultural e Portal de Patrocinadores, é mestra em Comunicação e Mídias das Artes do Espetáculo, pela Universitè Jean JaurèsToulouse II, possui trabalhos em produção audiovisual, produção de conteúdo e community manager nas áreas social e cultural tanto no Brasil quanto no exterior.